TECNOLOGIA PARA PEQUENAS EMPRESAS: COMO ACELERAR PROCESSOS E ROTINAS

Tecnologia para pequenas empresas: como acelerar processos e rotinas

A tecnologia, nos últimos anos,  vem tomando espaços cada vez maiores quando falamos em tecnologia para pequenas empresas. Os avanços dos recursos tecnológicos são muito importantes para que elas cresçam, tomando espaço no mercado e alavancando sua competitividade.

Apesar disso, alguns empresários ainda insistem em manter seus métodos tradicionais de trabalho. Isso se dá pela cautela adotada no relacionamento com as novas tecnologias e também por haver um certo receio sobre os valores e os custos de implementação destas ferramentas.

No entanto, a não adaptação ao cenário atual – onde a tecnologia está presente em quase tudo – pode deixar a empresa estagnada, com perda de mercado e sem destaque perante a concorrência

 

Os Benefícios

 

Em um contexto atual de negócios, a tecnologia está cada vez mais presente nas pequenas empresas. Seu acesso foi facilitado nos últimos anos, ficando ao alcance de qualquer empresário. Confira alguns pontos em que a tecnologia pode auxiliar no seu negócio:

 

  • Redução de custos de operação;
  • Otimização de rotinas;
  • Aumento de produtividade;
  • Diminuição de erros;
  • Automação dos processos;

 

O Gerenciador de Tarefas

 

Ninguém constrói uma grande empresa sem organizar os processos e rotinas do negócio. A definição de prioridades, a delegação de tarefas e o acompanhamento dos trabalhos ficam muito mais fáceis com um gerenciador de tarefas. Existem diversas ferramentas no mercado.

 

Acessos Simultâneos

 

Novas ferramentas vêm para facilitar a troca de informações simultaneamente. Poder acessar informações e trabalhar colaborativamente em um documento é a tendência no cenário moderno. Alguns exemplos são o Google Docs e o Google Planilhas, que permitem que mais de uma pessoa trabalhe, ao mesmo tempo, no arquivo.

Além disso, faz muita diferença no andamento dos trabalhos, o compartilhamento de arquivos via nuvem. Além de não ser tão cara, essa tecnologia permite que a equipe acesse documentos em qualquer dispositivo, em todos os lugares.

O trabalho em conjunto também ganha muito com o compartilhamento na nuvem, já que os encarregados para um determinado trabalho podem fazê-lo de forma simultânea.

Vale destacar também que, atualmente, há extinção de grandes salas para o armazenamento de documentos em forma física, trazendo economia e segurança.

 

Reuniões em Vídeo

 

As videoconferências permitem que os membros da empresa conversem entre si sem a necessidade de estarem em um mesmo ambiente físico. Isso significa uma redução de custos de deslocamento, além de maior flexibilidade de horários.

Sugestões de aplicativos para videoconferência: Skype e Google Hangouts.

 

Sistema Integrado de Gestão Empresarial

 

O sistema integrado de gestão empresarial, também chamado de ERP, é utilizado para integrar todas as áreas da organização, consolidando os dados do negócio em um só local.

 

Essa tecnologia possibilita maior agilidade e produtividade, já que automatiza os processos, ajuda no controle de estoque e caixa, além de facilitar o gerenciamento de compras e vendas. 

 

Big Data

 

A análise de grandes fluxos de dados é uma atividade complexa, e geralmente associada às grandes corporações. Desta forma, quando uma pequena empresa possui acesso à esta tecnologia, adquire vantagem competitiva sobre os seus concorrentes.

Com o passar do tempo, você pode começar a melhorar seus insights, devido a uma visão ampliada. Isso, a partir de uma visão ampliada de negócio que este recurso pode trazer.

 

Automação do Marketing

 

Uma das áreas mais importantes da empresa é o marketing, afinal, ele é o principal ponto de contato da empresa com seu público alvo. Automatizar esse setor em sua empresa pode trazer diversos ganhos, como maior captação de leads e aumento do número de pessoas impactadas pelos serviços disponibilizados pela companhia.

 

Gestão Fiscal Inteligente

 

A gestão fiscal também mudou, principalmente para as pequenas empresas. Foi-se o tempo em que o armazenamento de notas fiscais era realizado em arquivos físicos. Com o advento da nota fiscal eletrônica (NF-e), as empresas foram obrigadas a fazer o controle fiscal por meio digital. Inclusive, a fiscalização dos órgãos públicos também foi facilitada pela informatização.

Nesse cenário, mesmo as pequenas empresas precisam utilizar ferramentas para controle de suas notas fiscais, se quiserem estar em dia com o fisco. A correta emissão de NF-e e o controle de todos os documentos fiscais recebidos – além do cumprimento de obrigações como manifesto do destinatário – se tornam muito mais fáceis com o uso de ferramentas apropriadas.

 

Como implementar essas tecnologias?

 

Para implementar essas tecnologias de modo mais assertivo, sugerimos que você, primeiramente, faça um planejamento, para identificar o que é mais útill para a sua empresa. Feito isso, promova treinamentos que visem qualificar os colaboradores, nas ferramenta de forma teórica e, posteriormente, prática.

É importante também abrir um canal de comunicação para receber um feedback de quem já testou os recursos e, principalmente, fazer uma análise criteriosa sobre o desempenho de antes e depois da implantação.

Por fim, sempre de modo a aumentar a agilidade dos processo de sua empresa, automatize o que for possível.

 

As novas tecnologias vieram para facilitar o dia a dia das empresas, e nem sempre são complicadas de utilizar. O Portal Consyste é uma ferramenta completa para a gestão fiscal da sua empresa, é ágil e descomplicada para o usuário.

Saiba como a Consyste pode ajudar na gestão de documentos fiscais da sua empresa clicando aqui

Envie seu comentário